segunda-feira, 6 de dezembro de 2010


Eu não consigo te esquecer. Tudo me lembra você e em todas eu procuro seus olhos, seu sorriso. Em todos os lugares eu procuro seu cheiro, em qualquer um eu busco seu abraço. Em vão, é claro.
Você é, pra mim, completamente essencial, indispensável. Em tão pouco tempo, você se tornou minha conselheira, meus olhos, meus ouvidos. Você me mostrou que eu podia ser forte, você me fez tirar minha mascara. Mas agora eu não consigo mais ser forte, não tenho mais minha mascara, e não tenho mais você. E sem você, não sei se consigo. EU fico perdida, me sinto desprotegida sem você, sem meu anjo.
Em você eu encontro minha paz, com você todos os problemas desaparecem, e dificuldades que deveriam ser imensas, ao seu lado, elas são como pequenas pedras.
Você me conhece melhor que qualquer um; você me desvendou de um jeito que eu não achava que era possível.

Nenhum comentário:

Postar um comentário